Um Olhar Feminino
23 de Fevereiro de 2010

 
Eu te peço,
Atendas o meu chamado,
-Ainda que silencioso-
Eu que sou sempre tão presente,
-A te procurar-
Com tantas palavras a dizer,
-Para te fortalecer-
Para que acredites em ti,
Mas nesse instante,
-Fragilizada-
Sou eu quem precisa de ti,
E da tua palavra,
Doce e amiga,
Da tua presença junto a mim,
-Ainda que não fisicamente-
Nesse instante,
Preciso do teu carinho,
-Completo-,
Da tua compreensão,
-Infinita-,
E da força intensa,
Que tua alma transmite,
Necessito do teu pensamento,
Conectado ao meu,
E que tua luz intensa,
Junte-se a minha,
Fortalecendo-me a seguir em frente,
Preciso da certeza,
De que não estou sozinha,
Que pensas em mim,
-Que te importas-
Como penso em ti,
Nesse instante,
Quero somente,
Que ouças meu chamado,
E diga-me que estás comigo,
E não me deixarás jamais,
Sozinha no meio do caminho,
Nesse instante,
Preciso imensamente de ti...
Patricia Montenegro
publicado por umolharfeminino às 20:35 link do post
14 de Fevereiro de 2010

Quando alguém nos pergunta se somos honestos, em princípio ficamos indignados, só de pensar que alguém duvide de que o somos.

No entanto, é importante que reflitamos um tanto mais a respeito da honestidade.
Grande parte de nós nos dizemos honestos, mas será que verdadeiramente o somos?

Quando limpamos o jardim, por exemplo, nunca jogamos a sujeira no quintal do vizinho?

Saindo de um emprego, damos entrada no seguro desemprego, e logo, estamos empregados novamente. Comunicamos ao órgão competente que não necessitamos mais receber o seguro ou pedimos ao novo patrão que espere alguns meses para fazer o registro na carteira para que possamos receber em dobro?

Se estamos dirigindo um veículo, e, sem querer raspamos num outro que está estacionado, cujo dono não está por perto. Qual é nossa atitude? Damos no pé, ou deixamos um bilhete com o telefone para posterior contato?

Enfrentamos com honestidade a longa fila dos bancos, teatros, repartições, etc., ou sempre ficamos procurando um conhecido ou um jeito qualquer de passar à frente dos que chegaram antes de nós?

Se vamos a um espetáculo qualquer, costumamos marcar os lugares com bolsas, carteiras, ou outros objetos, para que nossos amigos que cheguem em cima da hora possam ocupar os melhores lugares, em detrimento dos que se esforçam e chegam cedo?

Se em época de eleições necessitamos pintar a casa, colocar vidros nas janelas, ou temos outra necessidade qualquer, procuramos um candidato para oferecer o nosso voto em troca de tais benefícios ou esperamos até que as possamos efetuar com nossos próprios recursos?

Tendo urgência no despacho de um processo em determinado órgão, esperamos o trâmite natural ou tentamos um jeitinho de ludibriar os que não têm condições de dar o conhecido jeitinho?

Se trabalhamos no setor de compras de uma empresa, procuramos realmente os melhores preços e condições de pagamento, pensando exclusivamente no melhor para a nossa empresa, ou compramos onde nos oferecem mais vantagens pessoais?

Ouvimos várias vezes o jargão popular afirmar que "TODO HOMEM TEM UM PREÇO". No entanto para a honestidade não há preço, não há barganha, não há corrupção, nem corruptores. A dignidade de um ser humano honesto não tem preço, pois seu valor é inestimável. Dessa forma, poderíamos alterar o jargão popular e dizer: TODO HOMEM DESONESTO TEM UM PREÇO, PORQUE A DIGNIDADE JAMAIS SE CORROMPE.

Se ainda não conquistamos a virtude da honestidade como deve ser, lutemos por conquistá-la, a fim de podermos olhar no espelho e não nos envergonharmos da figura ali refletida. Olhar nos próprios olhos e nada ter que censurar.

PENSAMENTO

Ser honesto é agir de conformidade com as leis divinas.

E não tentar ludibriar a própria consciência, porque mais cedo ou mais tarde ela nos apresentará a conta dos nossos equívocos.
Se o honesto hoje ainda é uma raridade, nós podemos inverter esse quadro, engrossando as fileiras dos que são verdadeiramente honestos, pois agindo assim, de nada teremos que nos arrepender.

publicado por umolharfeminino às 21:21 link do post
12 de Fevereiro de 2010

 humildade.jpg

"Humildade é um poder imenso que me protege do conflito e me ensina a ver benefício em tudo. Humildade vem de uma autoestima elevada. É quando permaneço de pé mesmo quando tudo me leva a cair. É quando não preciso provar minha bondade, nem sequer quando sou erroneamente acusado. É quando o silêncio interior é minha melhor atitude."
publicado por umolharfeminino às 23:40 link do post
10 de Fevereiro de 2010

 

 

Muito tem se falado sobre Amizade, e ficou bem estabelecido que Amizade é uma ligação de Amor existente entre pessoas, independendo de sexo, e do sexo.

Essa ligação não envolve interesses outros senão uma maneira especial de se gostar das pessoas, de saber se estão bem, torcer pela felicidade, e procurar fazer o possível para que essas amizades consigam atingir seus objetivos, desejar enfim, que sejam felizes.

Claro que não é apenas para se jogar flores... É dever de um amigo procurar alertar se percebe que o outro está enveredando por um caminho errado, é dar o famoso grito de alerta. Nem sempre bem interpretado, mas que sempre deve ser considerado.

Se notarmos que uma de nossas amizades está, segundo nossa concepção, tomando alguma atitude errada, devemos procurá-la e expor nosso ponto de vista, e ela que faça a média. Por vezes nós é que estamos errados, e poderemos refazer nossas ideias.

Isso se chama troca de opiniões, diálogo, algo muito importante entre amigos...

Convenhamos que não é muito fácil manter-se amizades por muito tempo. Sempre surgem divergências e, se estas arestas não forem bem aparadas, deixarão sequelas.

Muitas vezes um amigo se magoa com outro, mas não quer procurá-lo para dirimir aquela dúvida surgida para acertar aquela situação, e simplesmente se afasta. Penso que um afastamento puro e simples, não é indicado, pois através do diálogo aquela pendência poderá ser resolvida, e a amizade reatada. Por que afastar-se sem explicações? Se está magoado, exponha sua mágoa. Assim, ao invés de criar outra mágoa, poderá acertar tudo.

É interessante como pode surgir uma amizade. Vejam que belo pensamento:

"Felizes os que possuem amigos...os que os têm sem pedir. Porque amigo não se pede. Não se implora.  Não se compra, nem se vende..."Amigo a gente sente"

Sem dúvida... "Amigo a gente sente"... Sabemos quem nos fala com amizade, ou não. Melhor analisando, sabemos quem nos critica com amizade, ou quem nos elogia com maldade...

Muitas vezes uma crítica é um sinal muito maior de amizade, do que um elogio insincero.

Assim é que se pode reconhecer uma amizade. Temos que saber "sentir" quando alguém nos oferece amizade, ou se faz uma aproximação buscando alguma vantagem.

O perigo está em julgarmos errado, permitindo certo tipo de aproximação que depois se revelará daninho e dedicamos amizade, damos carinho a alguém que nos quer derrubar.

Esse erro de julgamento acontece com frequência. São riscos que corremos em nossa vida.

É importante termos amizades. É importante podermos dividir nossos problemas e nossas alegrias com pessoas que apenas estão procurando nos querer bem. Mas amizade é uma estrada de mão dupla... Se queremos TER amigos, é preciso que saibamos SER amigos... e o mesmo carinho e compreensão que pedimos, devemos saber dar.

As Amizades não são encontradas por acaso, temos que saber detectá-las ao encontrá-las... e não deixar que fujam.

Amizade não se define, não se explica, nem deve procurar ser entendida. Simplesmente, amizade a gente sente. Não sabemos porque... mas simpatizamos com alguém, da mesma maneira que antipatizamos, inexplicavelmente. Aliás, explicar prá que? Basta que não se seja uma pessoa totalmente insensível, e forçosamente sentirá algo assim por alguém.

 

Meu carinho pra você, que com muita alegria

posso chamar de AMIGO(A)!!!

Beijinhos de Luz...

Marcial Salaverry

publicado por umolharfeminino às 11:46 link do post
06 de Fevereiro de 2010


Todo dia eu agradeço a Deus
por ter você ao meu lado
Por ter o seu amor por inteiro
Por me mostrar o que é amar e ser amado

Deus me deu um Anjo
E após todo este tempo você ainda me surpreende
com seu carinho, sua sinceridade
e acima de tudo com seu conhecimento
Eu posso não saber muito
Mas tudo que sei são verdades
que você me mostrou ou me ensinou a ver
Sou tudo que sou porque você me amou
Você me mostrou tudo o que eu tenho de bom.
Eu não tenho como agradecer tudo o que
Você fez por mim

Pois hoje, meu Mundo é um lugar melhor por sua causa
Todo o Amor e toda a felicidade do Mundo
É o que eu desejo a você.
Sou tudo que sou porque você me amou

Amo Você
publicado por umolharfeminino às 01:21 link do post
04 de Fevereiro de 2010

 

A "ingratidão" por si só

 Já diz muito...muito triste,

Por quem a sente, sentimos dó,

Dó, porque esta palavra existe!

 

É tão triste, é tão penosa,

Esta palavra "ingratidão",

É como facada dolorosa

Certeira ao coração!

 

Não é fácil de a dizer,

Mais difícil é de a sentir,

É preferível morrer

Antes de a "ingratidão" sentir!

 

Não rima com Amor

Não rima com alegria,

Só nos faz sentir tanta dor,

Esta palavra triste...e vazia!

 

Ingratos são os filhos com os pais,

Desde a mais nova geração,

Não se lembram que mais tarde

Irão sentir essa mesma "ingratidão"!

 

Os amigos ingratos são

Para quem os ama e estima,

 Esquecendo que a "ingratidão",

 É o que de pior há na vida!

Chicailheu

publicado por umolharfeminino às 21:08 link do post
03 de Fevereiro de 2010

 

Com a alma magoada e em fúria,

o coração sangrando de tanta dor,

com uma raiva incontrolável de ti.

Sem alegria, martelo no meu teclado

um poema só de ódio e desamor.

 

Possesso dentro de mim mesmo,

quero te mostrar o meu lado mau

e de quanta maldade sou capaz.

 

Busco as mais tristes palavras;

Grito: tu não és nada !

Falo:  Quero que tu morras !

Digo:   Desejo te ver arrasada !

Que fostes apenas um engano

a cruzar pelo meu caminho.

 

E num misto de ódio e de amor

esgoto o meu estoque verbal,

mas ainda estou no fio da navalha,

neste desabafo feito um poema.

 

Queria encerrar o meu texto

dizendo só impropérios contra ti

e provar que o meu ódio é real...

 

Mas suspiro fundo...e exclamo:

Amor ! É tudo da boca pra fora !

 

Desgraçada ! Eu te amo !

Ainda mais do que te amava antes!

Mario Neves

 
publicado por umolharfeminino às 11:54 link do post
02 de Fevereiro de 2010

Não te iludas amigo, por mais se expandam lágrimas contigo todo lamento é vão, tudo que tende para a perfeição, todo bem que aparece e persiste no mundo,vive do entendimento harmônicoe profundo através do perdão.
Perdão que lembre o sol no firmamento, sem se fazer pagar pelo foco opulento a vencer dia a dia a escuridão da noite insondável e fria e a nutrir, no seu longo itinerário, o verme e a flor,o charco e o pó, o ninho e a fonte, de horizonte a horizonte, quanto for necessário.
Perdão que nos destaque a lição recebida na humildade da rosa. Benção do céu, estrela cetinosa que, ao invés de pousar sobre o diamante, desabrocha no espinho como a dizer que a vida de caminho a caminho, não despreza ninguém.
Libera generosa, alta e fecunda, quer que toda a maldade se transfunda na grandeza do bem.
Perdão que se reporte à brandura da terra pisoteada, esquecida heroína de paciência que acolhe em toda a parte os detritos da morte e sustenta os recursos da existência.
Mãe escrava sublime de amor mudo que preside em silêncio o progresso de tudo. Amigo, onde estiveres, assegura a certeza de que o perdão é a Lei da Natureza, segurança de todos os misteres; perdoa e seguirás em liberdade no rumo certo da felicidade.
Nas menores tarefas que realizes, para lembrar sem sombra os instantes felizes, na seara da luz, na qual a luz de Deus se insinua e reflete, é forçoso exercer o ensino de Jesus que nos manda perdoar, setenta vezes sete, cada ofensa que venha a perturbar o nosso coração.
E isso vale afirmar na senda de ascensão que, em favor da vitória a que aspiras, na luta transitória é mais do que importante, é essencial que te esqueças por fim, de todo o mal e que em tudo no bem a que te dês seja aqui, mais além, seja agora ou depois, Deus espera que ajudes e abençoes, compreendendo, amparando e servindo outra vez.

 Chico Xavier

publicado por umolharfeminino às 19:23 link do post
01 de Fevereiro de 2010


Eu não sabia que seria assim,
Uma saudade gritando dentro de mim,
Tua ausencia tão presente,
Estás o tempo todo dentro de mim,
Acompanhando-me a cada instante,
Monitorando meus sentimentos,
Observando minha alma,
Escutando os meus pensamentos,
Tens a percepção da minh'alma,
Estás 'presente' em meu corpo,
Rendo-me consciente a ti,
Não sou mais dona de mim,
A ti entrego-me de corpo e alma,
Meu coração está em tuas mãos,
E é teu o meu incondicional amor,
Nossa vida (tão curta) é somente uma 'passagem',
Toma-me então em teus braços,
E leva-me contigo (sempre) por onde fores...
 
Patricia Montenegro

publicado por umolharfeminino às 00:24 link do post
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds

Volte sempre por aqui
Casalingo


WBRreport
Awards

Obrigada por me Linkar :)


Meu Award




Clique aqui para mais Glitters Gifs Animados


Morning has broken / Cat Stevens



Posts mais comentados
3 comentários
3 comentários
2 comentários
2 comentários
2 comentários
2 comentários
1 cometário
1 cometário
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
uerida amiga blogueira! vim saber as novidades. Sa...
Amei conhecer mais um blog para divulgar a palavra...
Estou a ver na televisao informacao sobre a greve....
Ola querida amiga blogueira de tantos tempos, vim ...
que palavras maravilhosas! um beijo
Boa noite, venha me visitar e leia a matéria dos d...
Como sempre, um olhar feminino para acalentar as b...
Ola vim deixar meu oi. de Carinho e amizade. que v...
Venho parabenizá-la por se cantinho.Muito bonito, ...
FELIZ NATAL E FELICIDADES EM 2010. Obrigado pela ...
blogs SAPO